Os 5 erros mais comuns que o ciclista comete ao planejar a nova temporada


Estamos num momento onde a temporada de competições já está terminando, então seria ideal planejar o que fazer na temporada que está por vir!

Muitos atletas, acabam cometendo alguns erros ao desenvolver este planejando, o que pode comprometer toda uma temporada. Então fique atento (a) aos erros mais comuns para que você não seja um desses.

1.Não levar em consideração a temporada atual. Você pode se questionar sobre algumas questões para conseguir identificar vários pontos sobre sua temporada, por exemplo:

– Quais as metas que alcancei este ano?

– Quais metas eu não consegui alcançar?

– Qual meu ponto forte durante esta temporada?

– Qual meu ponto fraco que mais me prejudicou durante esta temporada?

– Qual a minha percepção, de uma forma geral, sobre a minha performance nesta temporada?

2.Traçar metas que fogem da sua realidade ou disponibilidade. Identifique se suas metas são específicas, alcançáveis, se estão de acordo com sua disponibilidade de tempo para treinar. Tenha seu objetivo específico dentro das metas, assim você saberá se está indo em direção ao que planejou. Por exemplo: “vou conseguir fazer um contra-relógio de 40 km em menos de 60 min até o meio da temporada” ou “vou ficar entre os top 10 do campeonato estadual de estrada”. Procure definir de 3 a 5 metas para a sua temporada.

3. Traçar metas muito altas ou muito baixas. Sua meta deve ser desafiadora sempre, mas também, alcançável. Se você traça uma meta muito alta, a chance de não conseguir alcançar e se decepcionar com sua performance será muito maior. Já ao traçar metas muito baixas, você além de não se sentir motivado (porque conseguirá alcançar com facilidade, sem um maior desafio), estará freando sua evolução.

4. Não alterar os objetivos quando necessário. É totalmente normal a mudança de alguns dos objetivos da temporada quando o calendário ainda está começando e, de repente, a data de uma competição que você tinha como meta foi cancelada. Neste caso, o melhor que você pode fazer é alterar este objetivo. Ou também, se sua rotina de trabalho e seus horários mudarem, podendo comprometer os treinos para determinado objetivo, você deve mudá-lo.

5. Ser escravo de sua programação de treinos. Se um dia você sair para fazer um treino intervalado intenso e já no aquecimento sente que não está muito bem, o ideal é que faça apenas um giro leve de recuperação e faça também, um ajuste na sua programação para encaixar aquele intervalado em um outro momento, onde você consiga executar de maneira adequada.




Treinadora e ciclista profissional Cris Silva

Cris Silva

» Site » Instagram » Facebook » Youtube