Porque nós atletas precisamos de carboidratos


alimentacao-ciclismoPrimeiro vamos falar sobre a importância do carboidrato para o emagrecimento. Muitos de nós somos enganados pelo seguinte pensamento, porque eu preciso ingerir calorias durante o treino, quanto menos calorias eu ingerir, mais gordura vou queimar, correto?

NÃO!

É histórico que, de acordo com o que passamos no inicio de nossa historia e de nossos antecedentes, onde os seres humanos tinham que “garimpar seu alimento”, nosso organismo criou uma espécie de defesa, onde quanto maior o tempo que passamos sem comer algo, mais ele vai segurar esta fonte de energia, porque? Porque na “cabeça” de nosso organismo se oferecemos comida a ele com longos períodos de intervalo, ele não sabe quando novamente iremos comer e assim ele irá armazenar tudo que comemos, e este armazenamento pode vir como glicogênio muscular, fonte de energia e também e na maioria dos casos como GORDURA! Porque? Porque nosso inteligente organismo também se prepara para longos períodos de inverno e precisa da gordura para se proteger do frio e também da dificuldade que o “homem” tinha para conseguir alimento neste período. O u seja, quando se tem uma disciplina em se alimentar, comendo naquela famosa forma que é, de 3 em 3 hs, nosso organismo sabe que daqui a um determinado período ele terá mais “combustível” e irá digerir e usar esta energia que estamos ingerindo de 3 em 3 hs. Resumindo comer varias vezes em pequenas quantidades durante o dia é uma forma de acelerar nosso metabolismo, porém repito, é varias vezes em pequenas quantidades e com qualidade. Então para nós atletas que querem perder algum peso, não tire o carboidrato de sua dieta e muito menos deixe de comer ok.?

Quando se trata de atletas, o carboidrato ganha ainda mais importância, PORQUE?

De acordo com Ashley Chambers, MS e Len Kravitz, PhD, o glicogênio muscular é o principal combustível (seguido de gordura) usado pelo corpo durante o exercício. Baixos estoques de glicogênio macarraomuscular resulta em fadiga muscular e incapacidade do organismo para completar o exercício de alta intensidade. O baixo estoque de glicogênio muscular também é um importante fator que contribui para a fraqueza muscular aguda e produção de força reduzida. Tanto o exercício intenso quanto o de resistência longa diminuiu os estoques de glicogênio, por isso a necessidade de carboidratos é alta para todos os tipos de exercícios durante esta fase de energia 1 . Jeukendrup, PhD, e Michael Gleeson, PhD mencionar que há evidências convincentes de inúmeros estudos que indicam que a ingestão de carboidratos durante o exercício de cerca de 45 minutos ou mais pode melhorar a capacidade de resistência e desempenho. (fonte: trainingpeaks.com)

Em resumo é de grande importância equilibrar a ingestão de carboidratos junto com outros nutrientes nas diversas horas do dia, seja com o objetivo de emagrecimento, de recuperação entre treinos ou por uma alimentação equilibrada, saber o que comer e a hora de comer faz grande diferença na conquista de tais objetivos. O mais importante é! Atleta o carboidrato não o vilão de nenhuma historia, e não deixe-o de lado em suas refeições. A ingestão de carboidratos de forma ideal antes, durante e após as sessões de treinamento são de crucial importância para a recuperação muscular e para se ter qualidade de treino no dia seguinte e então consequente ganho de performance.




Treinadora e ciclista profissional Cris Silva

Cris Silva

» Site » Instagram » Facebook » Youtube